Valorizando pelos presentes. O valor não é o mais importante

Por: Areta Braga

Postado em 23/04/2017 - 16:55

Você conhece alguém que adora receber uma “lembrancinha” de um amigo que voltou de viagem ou fica muito feliz quando um colega lhe dá seu bombom ou revista favoritos de presente? Se você respondeu sim, provavelmente estamos falando de uma pessoa que tem como principal linguagem de valorização os presentes.

Estas pessoas não se preocupam com o valor do que estão recebendo, mas sim com o que aquilo representa. Dar o presente certo para uma pessoa que aprecia recompensas tangíveis pode significar uma poderosa mensagem de agradecimento, apreciação e encorajamento.

Normalmente, elas gostam muito de receber mimos que demonstrem que quem está presenteando pensou nelas na hora de escolher o que dar. Presentes que tenham simbologia como placas, troféus, brindes com a identidade da empresa para a qual trabalha, etc., também são muito bem-vindos.

É importante lembrar ainda que presentes impensados, que não têm nenhuma representatividade podem comunica uma mensagem negativa. Então sempre escolha com o que presentear levando em consideração não o valor, mas os gostos e interesses da pessoa que quer reconhecer ou mesmo a simbologia que aquilo que pessoa receberá tem para ela.

Textos relacionados: